Ronaldo, ainda vai apanhar muito no Corinthians

Ronaldo, interrogação. Defederico, interrogação. Roberto Carlos, interrogação.

Não.

Os atores principais da noite de ontem no Pacaembu foram o árbitro Raúl Orosco e seus assistentes Jorge Calderón e Juan Arroyo (todos da Bolívia, pois é, da Bolívia). Elias inegavelmente também brilhou.

Não é absolutamente possível ler isto em nenhum outro instrumento de mídia (TV, rádio, jornal ou internet), mas no mínimo 4 erros grosseiros da arbitragem definiram a partida em Pacaembu. Aqui é Jornalismo Futebol Clube, não temos rabo preso, exclamação.

Todos no primeiro tempo e todos contra o glorioso Racing, clube cuja maior gloria é ser penta-campeão da segunda divisão uruguaia: 2 impedimentos mal marcados, que deixariam o atacante uruguaio de frente com Fiiiiiiilipe (Cléber Machado), 1 pênalti  não marcado (afinal, eu nunca havia visto um zagueiro puxar o atacante dentro da área, tomar cartão e não ser marcada falta ?!) e 1 expulsão (Roberto Carlos) não realizada.

A arbitragem foi um show de horrores. Meu Deus, exclamação.

Na realidade, que não é aquela da Globo, o Corinthians enfrentou seu primeiro jogo de verdade em 2 anos e 2 meses. E mostrou toda sua limitação. Mas também a conhecida garra.

Mano é fraco tecnicamente. Especialista em reclamar da arbitragem e arrumar confusão.

Roberto Carlos mostrou que realmente os espanhóis e turcos (meu Deus) estavam certos. Joga com o nome desde 2003. E mais: um atleta emocionalmente alterado. Abusa da violência e não é, de longe, o ponto de equilíbrio e experiência esperado.

Ronaldo, no momento em que mais apareceu, quase necessitou do auxílio da SAMU do estádio, graças ao esgotamento físico após ter dado seu primeiro pique em quase 80 minutos de partida. Meu Deus, exclamação. Mas entendam: o Carnaval foi pesado e são mais de 100 kgs.

Quem é você Chicão ?? Quem é você Alessandro ?? A torcida irá conhecer de verdade vários atletas.

Corinthians campeão, interrogação.

Pouco provável. Libertadores é torneio disputadíssimo, tenso, muito competitivo. Os jogos fora são muito complicados. Os juízes lá tendem a ser como foram ontem aqui: caseiros.

Mas e a garra corinthiana ? Se apenas garra e vontade ganhassem, a seleção Uruguaia seria 11 vezes campeã do mundo. Traçando um paralelo, seria a mesma coisa de ver um pedreiro milionário. Ou alguém duvída do esforço e garra dessa valorosa e digna classe ?

E o mais relevante: Ronaldo ainda será alvo de muitos zagueiros. Ontem foi apenas um aperitivo. Deu para perceber que diferente dos zagueiros brasileiros, os gringos caçarão Ronaldo e tentarão a todo custo o rompimento de todos os seus ligamentos de seus dois joelhos.

O Fenômeno resistirá, interrogação.

Nota: Parabéns também ao Cruzeiro, que com o jogo empatado, e após duas expulsões e dois pênaltis inexistentes, goleou o Colo-Colo. Mérito total.

Por Jota Barros, direto do “triple two”, em noite de arbitragem mais do que caseira

Anúncios

22 Comentários

Arquivado em Corinthians, Libertadores, Ronaldo

22 Respostas para “Ronaldo, ainda vai apanhar muito no Corinthians

  1. Snyppes, o prédio

    Mazzoni, parabéns pela análise, entretanto todo o contexto que envolveu este jogo, automaticamente o tornou atípico! Jogo de estréia, pressão de todos os lados, nervosismo a flor da pele!
    Prefiro esperar os próximos dois jogos, fora de casa, para ter uma idéia mais clara do futuro do time na copa.
    Ah, quer saber não vou aguentar, não! Que se fôda!! Faltam 13 jogos pro título!!!!

  2. Cris

    cassarão não…. caçarão

  3. Zeca, o Passarinho Tricolor

    Grande Snyppes ressurgiu das cinzas…saudades do amigo… precisamos reunir o pessoal do “mesa redonda futebol em debate”. (Snyppes/Pegas/Montanha/Jota Barros) Até o Avallone vai ficar com inveja. Um abraço.

  4. LEONARDO PRATES

    Só o Neto da band, pra falar que o corinthians fez uma bela partida ontem.
    E ainda tem gente que acredita naquele falastrão.
    Vcs perceberam que não falaram dos erros de arbritagem no debate bola de hoje?
    Será porque?

  5. Bandeirante

    Bloguista, texto perfeito. Parabéns.

  6. Gustavo

    E esse foi provavelmente o jogo mais fácil do Corinthians nesta Libertadores. Se bobear nos outros 5, é capaz até de não passar pela primeira fase.

  7. SJorge

    Que post mais pessimista!

    Acho que você poderia mudar o seu ponto de vista para:

    O time superou o revés inicial, mostrando que tem garra, cabeça e força de superação.

    Talvez o Chicão e o Alessandro você não conheça, mas o Jorge Henrique com certeza te traz lembranças!

    Abs

  8. Neto paraguaio

    Já tô até vendo as manchetes do Pinda News (periódico aqui de Pindamonhangaba, seus tontos): “Corinthians eliminado na 1ª fase. Pacaembu depredado. Ronaldo comemora no Love Story. Sanchez aposta no Brasileirão”. É só aguardar. Besta eu? Besta tu, caboclo.

  9. Eu acredito em Cruzeiro ou Veléz como grandes candidatos ao título, principalmente o desconhecido Veléz para a massa Corinthiana, ou vocês acham que conheciam River Plate antes de 2003? Pois é.

    O Corinthians não está com time pra ganhar um título sul-americano facilmente, e diria que as chances são poucas.

    Infelizmente não sou Jornalismo Futebol Clube, apenas acompanho o futebol brasileiro, já na Europa sou Barcelona desde criança!

  10. Zhu Sha Zang

    To torcendo para estraçalharem os joelhos do Ronaldo. Acabar com essa empáfia. To achando que por aqui o cara mostrou muitos euros para ninguém bater nele.

    Quanto ao jogo. Ainda bem que não foi só eu que vi a marmelada toda.

    att

  11. daniel

    juiz extremamente caseiro , favoreceu muito o curitia

  12. Ricardo Avellar

    Arbitragem caseira……..interrogação, realmente houveram alguns erros de interpretação, mas aonde que não tem? e os empurrões uruguaios dentro da área? e a pressão uruguaia em cima do juiz, que diga-se por sinal, que o nível do juiz boliviano, está a altura dos juízes do Brasil, todos estão credenciados para apitar os jogos do nostálgico desafio ao Galo.

    Vou ficando por aqui, e já pensando como vou cultivar minha horta direto da fazendinha…

    Abs

  13. Ricardo de Lima

    Jota,

    como sabe aprecio sua irreverência e imparciabilidade … rs … mas acho que você “pega pesado” algumas vezes.

    Arbitragem caseira, todos sabemos que é a especialidade da Libertadores … só que com uma diferença, vale para todos, até acho que algumas vezes especialmente contra times brasileiros, concordo que houve erros de arbitragem, mas acho que talvez só eu tenha visto que o RC foi escorado no lance do primeiro gol do Juventude uruguaio (centroavente celeste se joga contra o corpo dele, impedindo-o de chegar a bola), o que para mim foi falta, assim como errou em não expulsar o RC e também um uruguaio ao dar uma rasteira no Ralf na lateral do campo no primeiro tempo.

    Não acho que o Mano seja fraco … mas tbm entendo que ele não é nem Rinus Mitchels e muito menos José Mourinho, atualmente para a safra de técnicos brasileiros, onde Joelzinho da Prancheta Santana se destaca, está de bom tamanho.

    Concordo com o RC que está jogando com nome faz tempo, aliás ele tem estes instintos explosivos desde sua passagem pela Parmaleite … talvez vc se lembre bem disso ! rs

    Chicão e Alessandro não são respectivamente Rios Ferdinand e Ashley Cole, mas fazem parte da defesa menos vazada do time campeãp paulista invicto em 2009, tem seus méritos …

    Quanto a garra concordo plenamente, embora acho que ela está se transformando em paciência, pode não ter sido grande jogo técnicamente, mas pelo menos uma virtude de paciência contra retrancas bem armadas, isso foi apresentado pelo time alvi-negro.

    Quanto ao R9 não tenho dúvidas … ele que se cuide, não terão a mínima dó de abreviarem o final de carreira dele, se puderem.

    E não se esqueça que a arbitragem também beneficiou o Flamengo com a expulsão injusta do jogador do Colo-Colo …

    Por essas e outras, a Libertadores tornou-se especial … pois mesmo com times medíocres, ela se torna muito dificil.

    abraço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s