Só Love, só Love… mas e futebol, interrogação

Hoje tem Flamengo e Bangu no Engenhão.

O jogo promete pois é a estreia da dupla Adriano e Vagner Love no ataque do mengão. Vagner Love se diz ansioso por vestir a camisa do Flamengo, seu time de coração, pela primeira vez. Marqueteiro como ele só, provavelmente vai se emocionar ao ouvir os gritos de “Só Love” da torcida rubro negro. Só espero que dessa vez alguma lágrima saia dos olhos do jogador, pois o suposto choro do dia de sua apresentação não me convenceu. Pior que ele, só as atuações vistas em Malhação.

A torcida do Flamengo também está empolgada com a estreia de Vagner Love. Estão bastante esperançosos com o futebol do jogador, assim como estava a torcida do Palmeiras quando ele chegou no Parque Antartica no meio do ano passado.

O futuro é duvidoso, mas o dia de hoje tem tudo para dar certo. O jogo é contra o glorioso Bangu, que na estreia perdeu por 3 x 0 para um tal de Boavista e no segundo jogo foi derrotado pelo Fluminense, 16º colocado no último campeonato brasileiro, pelo mesmo placar. Ou seja, hoje tem tudo para sair goleada, inclusive com gol de Vagner Love, até porque se não marcar contra o Bangu vai marcar contra quem, interrogação.

Por isso, atenção donos de inferninhos na cidade maravilhosa. Hoje é dia de Adriano e Vagner Love ferver. Antes, porém, devem dar uma passadinha na Vila Cruzeiro.

Anúncios

13 Comentários

Arquivado em Sem categoria

13 Respostas para “Só Love, só Love… mas e futebol, interrogação

  1. Francisco (infeliz em SP)

    Imprensa paulista é uma merda. Bando de invejosos.

  2. Juarez

    Vamos ver então se o Love não vai jogar. Aqui é Rio de Janeiro. Não esse tédio de SP.

  3. LOVE

    De noite conversamos…

  4. não existe tédio maior no mundo do que ter que aturar bobagens escritas por um bairrista frustrado como voce. love love love love love love.

  5. Canibal

    Flamengo 2 x 1 Bangu
    Dois gols de Vágner Love.
    Avallone fail!

  6. Bernardo Links

    É uma pena que exista lei contra discriminação racial né avallone? Senão você ia dizer que o cara é um “preto fdp” também né? Tem tanto puteiro no Rio quanto em São Paulo, cidade que eu gosto muito, aliás. Fazer o quê, o Rio tem seus Diogos Mainardis e Arnaldo Jabores pra queimar o filme da cidade e São Paulo tem preconceituosos como você, o Nasi e o Neto pra queimar o filme também.
    Pega o seu prêmio esso e faz aquilo mesmo. Ainda comemorando, pois hoje em dia, nem Tv de várzea te dá espaço mais pra falar suas atrocidades. Aliás, me pergunto se foi com informações “apuradas” como “Ainda mais no RJ, com a enorme quantidade de garotas de programa nas ruas.” que você ganhou um prêmio qualquer na sua carreira.
    De um carioca que trabalha mais de oito horas por dia, e digno como qualquer brasileiro decente.
    Ps: Você não trabalha 8 horas por dia. Fazer merchan não conta, não é trabalho jornalístico.

  7. Rafael

    esses “paraibas” de sao paulo so falam merda!

    Rafael. Discriminação aqui não. Imbecil.

  8. Está respondida a pergunta do título do post, não?

    E nada de descer do salto falando de drogas, violência, prostituição e outras coisas q tambem existem ai em Sampa – vai por mim, calados vcs se defendem bem melhor.

    Saudações Rubro-Negras
    Obina, obrigado por tudo!

  9. Hexa

    Que merda que vc é… Bairrista de merda. Passar fome no Rio de Janeiro? Só se for a puta da tua mãe, feia pra cralho ninguém quer comer o cú dela aqui.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s