10 anos em algumas linhas

O Corinthians comemora 10 anos da conquista do seu título mundial.

Embora reconhecido pela FIFA, o título é bastante contestado por alguns críticos e pelos adversários. Inveja? Talvez. Mas alguns pontos levantados pelos contestadores do título de fato são plausíveis, assim como também é plausível o ponto defendido pelos corintianos.

Pelo lado daqueles que contestam o mundial de 2000, entendo plausível, por exemplo, o fato do Corinthians não ter sido credenciado para disputar o torneio, ou seja, não ter sido campeão continental. O argumento é que para um clube disputar um mundial ele deve ser campeão do seu continente. Uma questão óbvia. Acontece que o Corinthians jamais foi campeão da libertadores e, assim, não poderia ter disputado o torneio. Mas independentemente disso, o fato é que o Corinthians foi convidado pela FIFA e não poderia recusar. Aliás, até mesmo o Vasco teria sido convidado, pois o campeão sulamericano de 1999 era o Palmeiras. Mas isso é uma outra história. Uma aposta palestrina que não deu certo, diria.

Os contestadores também alegam que os times representantes da Europa (Manchester e Real Madrid) vieram disputar o torneio a contragosto e que, no final das contas, não jogaram futebol, mas apenas passaram férias no Brasil. Chegaram a dizer que os jogadores do Manchester United atuaram contra o Vasco com ressaca de caipirinha, num sol escaldante de 40º. Nesse ponto os adversários não tem muito o que falar. Lembro-me que o Barcelona jogou a Copa Toyota contra o São Paulo sem os seus principais jogadores, pois haviam sido poupados para a disputa do campeonato espanhol.

Outra questão levantada pelos críticos é o menosprezo de alguns dos jogadores do elenco campeão mundial pela conquista. A postura do goleiro Dida logo após Edmundo perder o pênalti que deu o título para o Corinthians é sintomática. Para quem não se lembra do momento de “emoção” do goleiro, veja o vídeo que segue logo após o texto.

Outro jogador que menosprezou a conquista foi o Marcelinho Carioca, o agora Sr. Centenário. Em entrevista ao Jornal Lance!, o jogador disse que as conquistas do campeonato paulista e da copa do brasil foram mais importantes que a do mundial de 2000:

Com sinceridade, os títulos paulista e da Copa do Brasil, em 1995, foram mais importantes. Porque o Corinthians não era campeão paulista havia sete anos e a Copa do Brasil nunca tinha sido conquistada por um time paulista. Nós quebramos os dois tabus“.

Os adversários também desmerecem o título pelo fato do Corinthians não ter vencido uma equipe européia – empatou com o Real Madrid na primeira fase do torneio – nem mesmo sulamericana – empatou com o Vasco no tempo normal. Alegam que um time só pode ser considerado campeão mundial se vencer um time europeu.; no mínimo, um time da América. É um argumento interessante, que fustiga discussões, mas acho que não é para tanto. O Corinthians empatou e isso foi suficiente para o título. Sorte a dele.

Há também quem diga que o mundial não teve importância pois nem sequer foi transmitido pela Rede Globo.  O Jornal Nacional teria ignorado a notícia do título. Uma asneira sem tamanho. Se for assim a libertadores conquistada pelo São Paulo em 1992 não teve nenhuma relevância pois foi transmitida pela Rede OM (embora os comentários tenham sido de Roberto Avallone, exclamação).

Já pelo lado corintiano, o argumento é que o título foi reconhecido pela FIFA e que isso basta. A meu ver os corintianos estão com a razão, apesar dos argumentos contrários serem bastante interessantes. Podem chamar o mundial de 2000 de “Torneio de Verão” ou “Torneio Hebe Camargo”, mas o fato é que a FIFA, autoridade máxima do futebol mundial, reconheceu o título. Os corintianos devem comemorar sim senhor.

Parabéns pelos 10 anos da conquista.

Anúncios

19 Comentários

Arquivado em Sem categoria

19 Respostas para “10 anos em algumas linhas

  1. Thiago

    Avallone,

    O Corinthians foi para o Mundial por ter sido o campeão do país sede. Nenhum torcedor tem a moral de ditar as regras de uma federação. Quem somos nós pra dizer que apenas o campeão intercontinental tem direito de participar do mundial? Até hoje a FIFA escolhe os campeões do país sede para o Mundial. No jogo da Toyota que acontecia no final do ano, não tinha critérios para ser considerado mundial, pois não havia times de outros continentes. Nesse jogo, muitos vice campeões participaram do jogo, por exemplo o Milan contra o São Paulo.
    O Dida nunca foi um jogador vibrante, até mesmo quando venceu a UCL de 2003 não foi vibrante.
    O Marcelinho jamais disse que o Mundial não valeu, ele apenas disse que pra conquista pessoal dele, a Copa do Brasil de 95 foi mais importante.
    O Manchester e o Real Madrid não vieram obrigados, porque a FIFA e a UEFA não têm direito de fazer isso, porque o torneio era novo e não havia obrigação alguma dos times participarem.
    Você como jornalista, deveria andar bem informado sobre futebol.

    • paulo

      Dr que escreveu que país sede tem time até hoje:
      Aonde vc viu que até hoje a FIFA coloca os campeões do país sede para disputar???
      Nem qdo era no Japão e nem agora que se não me engano é em Dubai o time do país sede joga.
      Só naquele torneio laboratório totalmente sem critérios TÉCNICOS” , houveram critérios sim, mas outros com outros interesses.

      • Vitor

        Clubes campeões do país sede que participaram do Mundial FIFA

        2000 – Corinthians
        2005 – n/a
        2006 – n/a
        2007 – Sepahan
        2008 – Waitakere United
        2009 – Al-Ahli

        Se quiser pode conferir, por exemplo, os times participantes de 2009
        http://en.wikipedia.org/wiki/2009_FIFA_Club_World_Cup

        Vitor. Obrigado pela colaboração. Não vou nem confirmar. Confio em você.

    • Eduardo

      Amigo, o desinformado é você !
      O Corinthians foi sim convidado, como um time do país sede. O Vasco entrou devido a um lobby do Eurico Miranda associado a falta de interesse do Palmeiras, atual campeão da América na época.
      Torneio Silvio Santos que nem no Jornal foi noticiado, que piada !

    • Douglas

      Bom, Eu iria responder. Mas oo kra aki ja fez tudo o que eu dizer então…

  2. Luciano

    Avallone,

    Você é notório pela memoria futebolistica, entretanto, parece ter se equivocado sobre o Barcelona ter poupado jogadores na final do campeonato intercontinental 1992.

    Escalação do Barça na final da Liga dos Campeões 1992 contra a Sampdoria:

    FC Barcelona: Zubizarreta; Eusebio, Ferrer, Ronald Koeman, Nando, Juan Carlos; Bakero, Guardiola (Alexanco, 113′), Michael Laudrup; Salinas (Goicoechea, 64′), Stoichkov
    Treinador: Johan Cruiff

    Escalação do Barcelona na final do mundial interclubes frente ao SPFC:

    BARCELONA – ZUBIZARRETA; FERRER, GUARDIOLA, RONALD KOEMAN E BAKERO (GOICOECHEA); EUSEBIO, WITSCHGE, STOICHKOV E MICHAEL LAUDRUP; AMOR E BEGUIRISTAIN (NADAL) – TECNICO – JOHANN CRUYFF.

    Os grandes craques do Barcelona daquela epoca eram o goleiro Zubizarreta, o zagueiro holandes Koeman, o meia dinamarques Laudrup e o fantastico atacante bulgaro Stoichkov. Todos eles estavam presentes nos dois jogos. O SPFC venceu o que o Barça tinha de melhor na época.

    Abraços.

  3. Andre George

    Caro Colunista,, Me espanta ler vc escrevendo que o Barcelona jogou com os reservas, Mostra no mínimo, desconhecimento ou inveja! Vc pode e deve elogiar aos outros, mas não precisa desmerecer (tentar, pois só quem não tem conhecimento acreditará em suas palavras) o SPFC, único TRI Campeão Mundial no Brasil, sem ter tido um jogador como Pelé ! Abs!

  4. JR

    cara não fala asneira !!!!!!!!!!!!!!!

    Bracelona jogou com todos os seus jogadores, não deixou de fora seus melhores jogadores coisa nenhuma !!!!!!!!!!! afinal de contas ainda estava na memória deles a goleada sofrida poucos meses antes jogando contra o próprio SPFC em um torneio na Espanha qdo lá decidiram jogar com reservas e aí sim, apanharam de 4

    para refrescar sua memória basta procurar a escalação do Barça naquela final e veja quem foi o autor do gol espanhol…

    que vergonha hein…

  5. thiago

    Vc esta viajando avalone aonde o barça jopgou com time reserva??
    ta louco veio

  6. Junior

    Só vim aqui fazer uma observação:

    A Rede Globo não transmitiu o Campeonato Mundial Interclubes da Fifa não é?

    Porém,quem transmitiu foi a Rede Bandeirantes,e na final o jogo entre Corinthians e Vasco até hoje é considerada a maior audiência da história da Band,com 53 pontos de média,ficando em 1º na audiência e vencendo o Jornal Nacional e a novela da Globo,já que o jogo começou ás 20:00 hrs.

    Ou seja,o Brasil todo parou para assistir,secarem,e depois virem falar que não vale?!

    Outra coisa,foi transmitida se eu não me engano para 52 ou 53 paises.

    É pelo que vejo aqui esse Mundial não somente vale,como vale muito mais que o dos outros,pela mobilização que teve sobre ele!

  7. Luiz Antônio

    O PROBLEMA NÃO É O CORINTHAINS, É A SEMPRE INTERESSEIRA FIFA QUE RECEBEU DE PATROCINADORES PARA ASSINAR AQUELE CAMPEONATO (INCLUSIVE DO PATROCINADOR DO CORINTHIANS NA ÉPOCA…. TODOS SABEM QUEM É…). A QUESTÃO É QUE NINGUÉM ESPERAVA QUE O CORINTHIANS FOSSE CAMPEÃO…. É A MESMA SITUAÇÃO DO PALMEIRAS QUE FOI CAMPEÃO DA SUPERCOPA SÃO PAULO DE JUNIORES SEM NUNCA TER SIDO CAMPEÃO DA COPINHA. SÃO CAMPEÕES LEGÍTIMOS ILEGÍTMOS! E TIRA A MÃO DE MIM!!

  8. VERGONHA

    Quanta merda… hahahahahahahahahahaha Corinthians primeiro campeão do MUNDO. PONTO.

  9. Ranieri

    O Corinthians é tão campeão do Mundo, como o Uruguai foi Campeão do Mundialito em 1980!
    Quem lembra desse título?
    A FIFA tem uma turma de velinhos cômica, hilária e apaixonada por dólares.
    O Palmeiras foi Campeão da Copa Rio, um Mundial a época e nada?
    Tem outra coisa. Os campeões intercontinentais não são reconhecidos pela FIFA, é brincadeira!

  10. Mana

    resumindo o que alguns falaram, então se o Corinthians foi o convidado por ser o país sede, vendo nesta ótica o Corinthians se equivale a um Al-Ahli da vida, não foi campeão de nada e entrou de penetra por ser do país da casa ?
    piada, isso..Mas olhando pela ótica da FIFA, agiu correto 1° em escolher um Al-Ahli brasileiro, depois por consumir com este sistema ridiculo ..

  11. Braublei

    Corinthians, Primeiro Campeão Mundial da FIFA.

    Não tem conversa. Eu tava lá e vi o Joseph Blatter entregar a taça.

    Não sei por que tanta discussão.

  12. Andrew Waiss

    O MAIS LEGAL É VER O QUANTO O TÍTULO MUNDIAL DO CORINTHIANS MACHUCA OS TIMES MENORES, O QUANTO JUDIA, O QUANTO MALTRATA, FERE, ACABA COM A VIDA DOS INVEJOSOS….COITADINHOS.
    O CORINTHIANS ADQUIRIU O DIREITO DE PARTICIPAR DO CAMPEONATO MUNDIAL LEGITIMAMENTE POR SER O CAMPEÃO DO PAÍS SEDE, ALIÁS, BI-CAMPEÃO DO PAÍS SEDE, E ISSO ESTÁ DESCRITO NO REGULAMENTO OFICIAL DO TORNEIO BEM COMO NA PÁGINA ETERNA NO SITE DA FIFA EM HOMENAGEM AO CAMPEÃO MUNDIAL DA VIRADA DO SÉCULO. O RESTO, É A MAIS PURA E DOÍDA DOR DE COTOVELO, O QUE NOS DIVERTE MUITO E CONFIRMA NOSSA SOBERANIA.

  13. tomaz

    o corinthians foi convidado por ser o primeiro em pontos no ranking sulamericano na época
    quem quiser q se mate de inveja

    Tomaz

    Essa é nova.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s